Voltar à listagem

DECRETO LEGISLATIVO n° 14/2015 de 23 de Outubro de 2015
(Mural 23/10/2015)





Concede o título de Cidadão Gravataiense ao Sr.EDSON UBIRATÃ RODRIGUES FERREIRA.


O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE GRAVATAÍ.

FAÇO SABER, que a Câmara Municipal aprovou e eu promulgo o seguinte:

DECRETO LEGISLATIVO

Art. 1°

 A Câmara Municipal de Gravataí concede o título de Cidadão Gravataiense ao Sr. Edson Ubiratã Rodrigues Ferreira.

Art. 2° A homenagem tem por objetivo reconhecer publicamente, a pessoa do Sr. Edson Ubiratã Rodrigues Ferreira como cidadão deste Município, em face do trabalho prestado aos munícipes através da Secretaria Estadual de Saúde com contribuição relevante, o homenageado teve em sua trajetória a atribuição de auditor, onde até hoje desempenha suas atividades avaliando e fiscalizando os serviços prestados junto ao Sistema Único de Saúde. Dentre outros trabalhos relevantes, destaca-se a participação e fomento do projeto de expansão e divulgação, em nosso município, da Agencia da Unicred (Cooperativa de Crédito), que atualmente conta com aproximadamente 500 cooperados profissionais da área da saúde na região metropolitana, incluindo ativamente Gravataí nesse contexto, Cooperativa essa que possui uma carteira com um grande montante econômico agregado que possibilita o financiamento de diversas clinicas, consultórios e outros serviços em nossa região. Edson Ubiratã Rodrigues Ferreira, atualmente compõe à Sociedade Brasileira de Cardiologia, Sociedade Brasileira de Arritmias Cardíacas, Associação Brasileira de Terapia Intensiva e American Heart Association. Dentre tantas atribuições, ainda exerce sua atividade profissional, dividindo seu tempo entre consultório na Clínica Solaris, Instituto de Coração de Gravataí, Hospital Dom João Becker e Auditoria Médica Estadual.

Art. 3° Será expedido diploma em solenidade pública a realizar-se no Plenário da Câmara Municipal.

Art. 4° Este decreto entra em vigor na data da sua promulgação.


Câmara Municipal, 23 de outubro de 2015.


Vereador Juarez Souza
Presidente


Este texto não substitui o publicado no Mural 23/10/2015